The Warm Coffee

O derradeiro guia de música e videojogos

“In The Black”, Kittie (2009)

Posted by César Costa em 09/04/2010

https://i0.wp.com/upload.wikimedia.org/wikipedia/en/6/6a/Kittie-intheblackalbumcover.jpgData de lançamento: 15 de Setembro de 2009

Género: Heavy Metal

Duração: 41 min.

Gravadora: E1 Music

Produtores: Siegfried Meier

Bandas de Metal conheço poucas, admito. Bandas de metal constituídas apenas por mulheres, apenas conheço esta. Mais uma review, mais uma experiência, e este “In The Black” mostra que estas meninas não estão nem por isso atrás de outras bandas.

Este trabalho não vem acrescentar nada de novo ou inovador, nem ao género, nem à música em geral, mas é um bom “postal” daquilo que o género representa.

Os guturais estão lá, os riffs também, o ritmo acelerado também está presente, e basicamente todos os melhores elementos do Metal entram em “In The Black”. Em ultima instância, quando o disco atinge um momento mais lento, a qualidade perde-se, como em “Sorrow I Know”. Os álbum é forte nas faixas aceleradas, como “My Plague”, “Now Or Never” e “Whiskey Love Song”, que pessoalmente são as minhas favoritas. Aliás, estas são algumas das melhores músicas no álbum. A par destas, “Cut Throat”, “Ready Aim Riot”, e “The Truth” também se destacam.

Mas também há faixas que se destacam não muito pela positiva. “Sorrow I Know” como já disse, é algo repetitiva e desinspirada, e “Sleepwalking” é aborrecida. “In The Black” não é um grupo de altos e baixos, pelo contrário, apenas tem 2 pequenos percalços, pois tirando isso, é regular o suficiente para nos manter interessados. Começa bem, mas são as últimas 3 faixas do disco que, em conjunto, formam o melhor momento deste álbum.

A voz da vocalista, Morgan Lander, é claramente melhor em vocal normal que em gutural, mas não que este último registo seja mau. De todo… Em “The Truth” por exemplo, (em que, já agora, entra Justin Wolfe, a voz dos Thine Eyes Bleed) a voz de Lander rasga completamente o ouvido. É poderosa e bastante eficiente.

Em suma, é um bom álbum, que mesmo com os seus momentos medianos (que felizmente são poucos) consegue agradar não só a fãs de Metal, como a rockeiros em geral.

  1. “Kingdom Come” – 1:29
  2. “My Plague” – 3:05
  3. “Cut Throat” – 2:55
  4. “Die My Darling” – 2:46
  5. “Sorrow I Know” – 3:30
  6. “Forgive and Forget” – 3:44
  7. “Now or Never” – 2:35
  8. “Falling Down” – 3:08
  9. “Sleepwalking” – 3:17
  10. “Whiskey Love Song” – 4:29
  11. “Ready Aim Riot” – 3:13
  12. “The Truth” – 6:42

Download

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: